Busque no forum:

Compartilhe:
  • Enviar por e-mail
  • Orkut
  • Facebook
  • Twitter
  • Avalie:
23/05/2018 10:11

LOJA DE GAMES ESTÃO FECHANDO IGUAL ÀS LOCADORAS DE FILME.

Páginas: 1    2  | primeira | anterior | próxima | última

Monkey D. Luffy

Mensagens: 11643
Cadastro: 04/04/2006

Nível 3

Mensagem publicada em 23/05/2018 10:11
Grow Home
Sempre dou risada de quem fala que a mídia física nos consoles vai chegar ao fim.

Eu ouço falar no fim das mídias físicas para consoles há 15 anos (desde o lançamento do Steam nos PCs e a popularização da distribuição digital).

Não vão acabar e ponto. Ainda é extremamente lucrativo para as publishers... E ainda há demanda pra elas.




Ainda há demanda, mas menor e a tendência é cair.

Sempre fui defensor de mídia física, caixinhas e manuais, prazer de abrir um game lacrado, mas isso hoje em dia tem sido diferente.

Os games possuem caixas simples, manuais sem graça e, para se ter uma experiência melhor, tentam empurrar versões deluxe para vir com caixas maiores e mais conteúdo físico.

Ou seja, se aproveitam de versões mais sofisticadas e obviamente bem mais caras para tentarem vender algo mais bonito de se pegar com a mão. Mas a boa e velha caixa pesada, com manual grosso, colorido e outro adendos já quase não existem mais. Se precisam turbinar vendas com versões deluxe, então realmente estamos vendo o declínio das versões físicas.

Atualmente sobre jogos novos, eu fico apenas no PC e o Steam é uma maravilha para isso. Mas sinto falta das caixas enormes dos jogos de PC. De consoles para mim hoje é só retrogames.

E antes de conhecer o Steam, eu condenava e achava um absurdo comprar jogos digitais, mas na prática é maravilhoso. Preços mais acessíveis e prática para adquiri-los muito melhor. Não tem como comparar, jogos digitais ainda vai engolir por completo a mídia física.

Tem gente que coloca na mesa o argumento do "e-mail vs carta" e até concordo, pois essa transição ainda é lenta conforme os jogos físicas vs digitais, mas a transição existe e, assim como os e-mails e cartas, ela ainda vai acontecer por completo.

Questão de tempo.
Assinatura
Henrico D. Santo here!



E. C. Santo André


Aaaaaah, eu te amo
Aaaaaah, eu te amo Ramalhão
Aaaaaah, eu te amo
Eu sou Andreense até morrer!

condor

Mensagens: 3082
Cadastro: 26/11/2009

Nível 3

Mensagem publicada em 23/05/2018 11:53
acho que essa coisa de não vir mais manuais grossos e folhetos é por essas questões de responsabilidade ambiental etc, coisa que não existia ou era bem menos evidente nos anos 80 / 90

não vem nem mais manual em smartphones, câmeras gropro etc, além de economia de papel e tinta também para as empresas, e facilidade também hoje de acessar um site e baixar o manual em PDF qualquer celular aí com internet ja da pra fazer isso
Assinatura

lagartixo

Mensagens: 1098
Cadastro: 16/10/2004

Nível 1

Mensagem publicada em 23/05/2018 13:51
Modernidade, e como já dito em vários comentários, as pessoas estão preferindo a compra online.
Eu mesmo, sou do tipo conservador, coleciono várias coisas antigas, tenho ainda muitos CDs de músicas,e muitos livros e jogos em mídia física.
Mas, com o PS3 e a Steam, eu dei o primeiro passo pro online, conheci a facilidade de comprar jogos com apenas alguns cliques, por preços menores, sem ocupar espaço em minha casa, e sem ter que me preocupar com desgaste de leitor ótico ( do PS3, no caso).
Adorei, e até hoje, compro algo que vejo em promoção e me agrade. Raro eu comprar jogos, mas quando estou entediado com o que tenho, e olhando de bobeira uma PSN da vida, eu acabo me deparando com algum joguinho legal, que todos aproveitaram na época, mas eu nem conhecia, e está ali, por míseros 10 a 30 reais, e aí acabo comprando pra distrair.
Aí o cara monta uma loja física, não evolui, não procura se adaptar aos tempos atuais, compra um monte de jogos que perdem o valor rapidamente, não cria promoções, tem que pagar aluguem, luz, água e ainda os funcionários. Não fica de frente da loja pra alavancar as vendas, quando cisma de colocar a venda algo relacionado a videogame antigo, já pede rios de dinheiro como se aquilo ali fosse único no mundo, e aí, fica tudo lá, encalhado.
Enfim, a tendência é falir mesmo.




Mensagem editada pelo usuário lagartixo em 23/05/2018 13:53.
Assinatura

Keanu_Yves

Mensagens: 856
Cadastro: 04/06/2012

Nível 1

Mensagem publicada em 23/05/2018 15:29
condor
acho que essa coisa de não vir mais manuais grossos e folhetos é por essas questões de responsabilidade ambiental etc, coisa que não existia ou era bem menos evidente nos anos 80 / 90

não vem nem mais manual em smartphones, câmeras gropro etc, além de economia de papel e tinta também para as empresas, e facilidade também hoje de acessar um site e baixar o manual em PDF qualquer celular aí com internet ja da pra fazer isso

E tem mais. Era necessário esse tipo de impressão na época pra dar toda a informação do jogo, como comandos, tutoriais, até história era contada nesses manuais.

Hoje os tutoriais estão no próprio game (antigamente não existia espaço ou tecnologia pra isso), comandos e outras coisas estão nos manuais digitais (todo jogo tem na própria mídia).

Até os guias hoje são digitais, só ver as recompensas no MyNintendo.

Isso tudo sem falar no corte grande de gastos. Até as capinhas são recicláveis hoje em dia.

Foi um andamento natural das coisas.

Keanu_Yves

Mensagens: 856
Cadastro: 04/06/2012

Nível 1

Mensagem publicada em 23/05/2018 15:31
E vejam bem, a realidade brasileira não pode ser usada como parâmetro.

Não vejo nenhum grande alarme lá fora sobre o fim da mídia física.

Eu mesmo não abro mão por dois motivos: Coleção e facilidade na revenda.
Páginas: 1    2  | primeira | anterior | próxima | última
Quem está online
0 usuários cadastrados e 1 visitantes.

Busque no forum:

Média geral    2.0 (2 votos)

0 votos (0.0%)

Excelente

0 votos (0.0%)

Ótimo

1 votos (50.0%)

Bom

0 votos (0.0%)

Regular

1 votos (50.0%)

Ruim